TRANSLATE

SE QUISER RECEBER AS POSTAGENS DESTE BLOG, CLIQUE ABAIXO...

domingo, 4 de janeiro de 2015

ANSIEDADE, NOSSA GRANDE INIMIGA!


 "Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos em Cristo Jesus. Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai." (Filipenses 4:6-8). Vamos refletir ? Então, vamos lá!
Estes três versículos nos falam sobre a ANSIEDADE, o grande mal do século, que tem dominado as emoções de pessoas de todas as idades. As levando a deixar de lado a dádiva do "TEMPO PRESENTE" pelos temores ou expectativas de um FUTURO que talvez nem venha a acontecer. Tudo que realmente temos é o HOJE, por isso, devemos vive-lo com sabedoria. A vida é muito breve, não vale a pena cultivarmos pensamentos negativos, ocuparmos o pouco tempo que temos com preocupações, medos, mas, muitas vezes, o fazemos. Deus quer nos abençoar, mas quando a benção chega ela não nos encontra, porque não estamos no Cronos certo, estamos em um tempo que não existe, com nossa mente tão inquieta que não escutamos a voz de Deus. As saídas mais óbvias ficam obscuras e não conseguimos identifica-las, nosso discernimento está comprometido. Contudo, a bíblia nos ensina um exercício diário, elevarmos nossas mãos aos céus e oramos (conversar com Deus, isso é diferente de pedir), súplicas (clamar à Deus por algo, ou seja, pedir) com ações de graças (gratidão como estilo de vida e não como uma atitude isolada e dependente das circunstâncias). O grande problemas é que, na maioria das vezes, só fazemos súplicas e dizemos que oramos, mas oração é uma conversa, então pressupomos que os dois falam e se escutam, certo? Outro exercício, tão importante quanto, é manter nossa mente pura, com pensamentos bons, que nos aproximem de Deus e de tudo que é amável e honesto. Desta forma, podemos lutar para não termos nossa qualidade de vida sufocada pela ansiedade. Não é fácil, é como um treinamento que um atleta faz. Ninguém começa correndo 2 km em 8 segundos. Começamos com uma caminhada diária, depois vamos aumentando o ritmo até que nosso corpo esteja preparado. Assim é nossa mente, vamos tentando desacelera-la, aquietar nossa alma, trazer a memória o que nos dá esperança e, assim, pensar o que é bom, amável e virtuoso. Não vamos deixar que a ansiedade tire o que há de melhor em nós, vamos? autora: DEYSE LOURENÇO DA SILVA PATOLEIA