TRANSLATE

SE QUISER RECEBER AS POSTAGENS DESTE BLOG, CLIQUE ABAIXO...

domingo, 17 de janeiro de 2016

TEMPOS DE SEQUIDÃO, OPORTUNIDADES DE MILAGRES DENTRO DE NÓS.



Existem tempos de bonança, alegria e regozijo...Tempos estes que estamos com nosso coração em festa e temos inúmeros motivos para louvar ao Senhor...Nossa casa está cheia, temos vários amigos, afinal, estamos "por cima na roda gigante da vida". Mas, não existem somente tempos de "vaca gorda", não é verdade? Existem tempos de "vacas magras" e momentos em que até as vacas magras foram embora (risos), o pasto está vazio... Nesses momentos de escassez, de desespero, dor, sofrimento, momentos em que temos a nossa fé é provada, vemos quem realmente são nossos amigos e descobrimos nossa verdadeira essência....São nestes momentos que percebemos se as palavras que proferimos, nos tempos de bonança, vieram do coração ou se foram ditas pela emoção das conquistas...

Quando perdemos tudo, vemos que Deus era tudo o que realmente importava em nossas vias, quem realmente faz a diferença e quem, de fato, se importa conosco de forma incondicional.
Claro que nenhum de nós gosta de passar pelo deserto, mas até mesmo nosso Senhor Jesus passou por Ele, então nós também passaremos. Alguns passam um período curto no deserto, outros ficam rodando durante anos nele, tudo depende das respostas que damos para as questões da vida. Mas, a grande questão que temos de responder é: com quem estamos no deserto? Quem me trouxe a este deserto? O Espirito Santo ou minhas escolhas erradas? Bem, se fomos conduzidos pelo Espirito Santo, assim como aconteceu com Cristo, sairemos vitoriosos do deserto.
Se foram nossas decisões equivocadas que nos trouxeram aos tempos de sequidão, então precisamos identifica-las, nos arrepender, procurar corrigi-las, e nos convertermos ao caminho do Senhor. Mesmo que não consigamos mudar radicalmente o rumo de nossas atitudes, se nos esforçarmos a cada dia com pequenos movimentos para a direção certa, na força do Senhor, logo estaremos na rota da vitória novamente.
Independente de onde estejamos plantados, em qual fase de nossas vidas estejamos vivenciando, Deus nos chama a honrar o nome DELE no meio do deserto, a florescer em meio a dor e ao sofrimento. Jó 14.7-9 "Porque há esperança para a árvore que, se for cortada, ainda se renovará, e não cessarão os seus renovos.  Se envelhecer na terra a sua raiz, e o seu tronco morrer no pó,  Ao cheiro das águas brotará, e dará ramos como uma planta."
Mesmo no deserto, Ele nos envia seu maná, nos dá a água necessária, nos sustenta com sua destra fiel, nenhuma de nossas necessidades deixarão de ser providas. Salmos 34:10"Os filhos dos leões necessitam e sofrem fome, mas àqueles que buscam ao Senhor bem nenhum faltará."
Mesmo que tudo pareça perdido, sua voz, em nosso coração, nos traz a paz que precisamos. De forma doce, forte e inigualável, o Mestre do amor nos lembra das promessas que tem para as nossas vidas. Seus braços nos envolvem, seu colo nos acolhe, em meio a dor podemos sentir o seu consolo. Ele faz do deserto uma escola, passamos por alguns testes, para que encontremos as respostas que nos farão mais fortes, capazes de ajudar e consolar outros que venham a passar pela mesma situação. "Que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus." 2 Coríntios 1:4
Ele nos sustenta, mesmo quando tudo a nossa volta parece sem vida, e sem esperança. Ele nos dá uma nuvem de dia para não permitir que o sol nos aqueça ao ponto de desmaiarmos, e de noite nos aquece com uma coluna de fogo, para que o frio não nos congele e os predadores não nos consumam....Ele não deixará que o calor das provações sucumbam nossa fé, ou que a frieza dos sentimentos dos que estão a nossa volta torne o nosso coração gélido demais; Ele está conosco preservando quem somos, em meio aos desertos da vida."Nunca tirou de diante do povo a coluna de nuvem, de dia, nem a coluna de fogo, de noite. Êxodo 13:22"
 A medida que vamos avançando na escola, passamos por provas mais difíceis, e vamos sendo aprovados, até que alcancemos a graduação máxima....Assim é conosco, se dermos a resposta certa frente as situações da vida, a que Deus espera de nós, se formos bons alunos no deserto, adoradores independente das circunstancias, então o deserto será passageiro e chegaremos ao local que Ele tem para nós...Cresceremos de glória em glória!
O que atrapalha muitas vezes são as murmurações, elas atraem destruição sobre nós, nos cegam diante da provisão de Deus, não nos permite enxergar os inúmeros motivos que temos para permanecer gratos; Mesmo enfrentando vales de dor e alguns até mesmo da sombra da morte, temos motivos para agradecer, porque em todos os nossos caminhos o Senhor esteve presente, as misericórdias Dele se renovaram a cada manhã. Se estamos vivos é por que Ele não permitiu que fossemos sucumbidos pelas dores, pelas perdas. Ele nos trouxe seu consolo, esperança, nos fortaleceu a cada dia. As murmurações não permite que vejamos nada disso, nosso coração fica cercado de sombras que só nos permite olhar para o lado negativo das coisas e duvidar até mesmo da presença de Deus, elas nos fazem andar em círculos e tornam os desertos intermináveis.
Por isso, Deus nos convida a cada dia a aprendermos a louva-lo no deserto,  adora-lo independente das circunstâncias. Se apendermos esta valiosa lição, Ele nos colocará em terras que manam leite e mel, triunfaremos sobre as dificuldades e veremos os nossos sonhos mais lindos e incríveis sendo realizados com muito mais intensidade do que sonhamos, porque o Senhor sempre nos surpreende com sua bondade e fidelidade.
Isaías 43:2"Quando passares pelas águas estarei contigo, e quando pelos rios, eles não te submergirão; quando passares pelo fogo, não te queimarás, nem a chama arderá em ti."
Que o Senhor te sustente e faça você florescer nos desertos da vida! Que nada ofusque a sua visão, esfrie sua fé ou roube sua esperança de que dias melhores virão! Seus desertos não precisam ser eternos, procure em Deus o propósito de estar passando por eles e dê as respostas que Ele espera de você.
Para Ele nada é impossível, não há poço tão fundo que a mão Dele não consiga te tirar! Creia, Ele está bem juntinho de você, por mais difícil que esteja, você não está só. Suas lágrimas estão sendo contempladas, cada uma das suas aflições estão sendo vistas, seus clamores estão sendo ouvidos pelo Eterno. Ele deseja ter você mais perto, quer que você o conheça mais intimamente, talvez esta circunstância esteja acontecendo para que você realmente descubra o tamanho do seu Deus. Mesmo que agora você não entenda, renda graças ao Senhor, louve-o sem motivos aparentes, pois Ele é fiel para transformar cada um dos seus desertos em lindos mananciais de águas que geram vida! O Senhor te ama muito, em todo tempo, incondicionalmente, nunca duvide disso!
 
Beijo no seu coração! Permaneça em Deus, sempre grato(a)!
Autora: Deyse LS Patoleia.